O que fazer em Casablanca no Marrocos em uma conexão de 10h

Se você tem uma conexão com mais de 8h em Casablanca e está querendo sair do aeroporto para conhecer um pouco a cidade, saiba que eu fiz isso e deu super certo.

Eu pesquisei e achei alguns posts de pessoas que também fizeram isso e foi o que me encorajou para arriscar a sair do aeroporto tranquila, afinal a minha conexão eram quase 11h, e imagina só ficar em um aeroporto que não tem nada para fazer?

E o que tem em Casablanca para conhecer? A Mesquita Hassan II é linda e eu adorei ter ido até lá para conhecer e tirar muitas fotos.

 

 

Eu não pesquisei nenhum restaurante, loja, nada disso, a minha intenção era mesmo conhecer a Mesquita e voltar para o aeroporto.

A minha cia aérea foi a Royal Moroccan, e limos em alguns lugares que a passagem dava direito a hotel para conexões longas. Então assim que chegamos no aeroporto, depois de passar pela imigração, fomos logo ver e saber como fazíamos para pegar o hotel.

Mas assim que chegamos lá descobrimos que esse direito de hotel era só para quem estava em conexão para destinos insternacionais, ou seja, não nos programamos em nada para escolher algum hotel com antecedência.

Mesmo estando só com as nossas mochilas e uma mala de mão, não queríamos sair pela cidade desfilando com mala e mochila pesada, rs. Então decidimos pegar um hotel baratinho no centro para tomar um banho e deixar as malas.

Mas quem disse que eu consegui toma banho gente? Hahahaha!

Cheguei no banheiro do hotel e tive nojo de tomar banho descalça, e a expertinha aqui não lembrou de levar nenhum chinelo na mala de mão.

Então fica a dica ai para quem for pegar um hotel simples só para guardar as malas.

Mas eu juro que queria tomar um banho para tirar o cansaço da viagem de avião que sempre me deixa quebrada.

Enfim, chegamos no hotel, deixamos as malas, e seguimos para andar pelo centro e encontrar algum lugar para comer e depois ir direto para a Mesquita. Encontramos um restaurante bem marroquino e lá sentamos para comer alguma coisa. (Mostrei nossos pratos no vídeo)

Depois de almoçar o garçom pediu um taxi para irmos até a mesquita e já negociou o preço para nós.

Em falar em negociar preço, antes de entrar em qualquer táxi negocie o valor antes, eles são bem espertinhos e adoram enrolar turistas.

Nosso táxi do centro até a Mesquita saiu 30 DH (mais ou menos 3 Euros) e o táxi do aeroporto até o centro saiu 300 DH (mais ou menos 30  euros).

 

 

Gente, a mesquita é linda, é cheia de gente de toda a parte do mundo e o lugar é realmente lindo mesmo. Essa é a única mesquita que permite a entrada de não mulçumanos, mas tem o horário de visitação, é só entrar no site para mais informações.


Depois que passeamos pela mesquita fomos até o hotel, aproveitei que ainda tínhamos um tempinho livre para trabalhar um pouco no computador enquanto o Weidi tirava um cochilo. Depois seguimos para o aeroporto para seguir viagem até Marrakech.

Quer saber mais como foi nossa ida até a Mesquita Hassan II? É só dar play no vídeo!

Aproveita e se inscreve  para acompanhar os outros vídeos da viagem. Se tiver alguma dúvida é só comentar esse post ou o vídeo no canal 😉

Até mais 😉

Facebook Twitter   

Compartilhar

Comente!